Partilhar
21 celebridades que sofreram ou alertaram para a questão da violência doméstica

A violência doméstica não escolhe estatutos sociais, níveis de sucesso, países, religiões, nem idade nem género. Segue-se um grupo de celebridades mulheres que falaram publicamente sobre violência doméstica, sendo que algumas delas foram vítimas de tal.

1. Kerry Washington

Numa entrevista à CNN, Kerry Washington disse: “O que é mais importante saber é que existe uma saída. Que existe uma forma de aprender a ser autossuficiente e de tomar conta de si próprio de forma a poder tomar decisões que são poderosas para si.” Ela trabalha, igualmente, com a fundação Purple Purse Campaign, que ajuda mulheres em relações de violência doméstica com a ajuda financeira que estas precisam para se tornarem independentes.

2. Robin Givens

Robin Givens é uma famosa sobrevivente de violência doméstica, incluíndo abuso físico, causado pelo ex-marido, o pugilista Mike Tyson, durante o seu casamento nos anos 80. Robin tem falado abertamente sobre a sua experiência nessa relação violenta.

3. Charlize Theron

A atriz Charlize Theron é uma defensora das mulheres e raparigas que cresceram em ambientes de violência doméstica. Aos 15 anos assistiu à mãe a matar o pai em legítima defesa.

4. Tamron Hall

Tamron Hall é uma apresentadora no programa da NBC chamado “Today” e também uma defensora dos sobreviventes de abuso por violência doméstica. A sua irmã morreu fruto de uma relação abusiva. O seu discurso público é direcionado para membros de famílias que têm algum ente amado numa relação abusiva. Ela fundou, igualmente, a Tamron Renate Hall Fund para ajudar sobreviventes de abuso por violência doméstica.

5. Amber Tamblyn

Amber Tamblyn é uma atriz, poetisa e a co-fundadora do Time’s Up. Ela publicou a sua história de vida através de uma relação abusiva nos meios sociais and falou abertamente sobre a vergonha e o remoso sentido e a forma como receou que os seus pais e família reagiriram às notícias. Ela é um grande exemplo de alguém que expôs a sua situação e ajudou muitas outras mulheres com a sua história e ativismo.

6. Nicole Kidman

Para além de ser uma Embaixadora da Boa Vontade no âmbito do Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher (UNIFEM) e uma apaixonada defensora dos direitos das mulheres, Nicole Kidman também tem sido uma defensora do empoderamento das mulheres. “ A violência contra as mulheres é uma chocante violação dos direitos humanos. Contudo, não é inevitável”, afirmou ela. No seu mais recente trabalho na série “Big Little Lies”, ela interpreta uma mulher que é vítima de violência doméstica, mostrando que mesmo tendo uma vida perfeita, há sempre espaço para absuso e medo.

7. Reese Witherspoon

Reese não é só uma ótima atriz, como também é muito ativa no que toca a erradicar com a violência contra as mulheres. Ela é, igualmente, presidente honorária de Avon Foundation que empodera mulheres e sensibiliza para a violência doméstica. Em 2009, Reese Witherspoon ajudou a fundar a campanha da associação de caridade Refuge “Quatro Maneiras de Se Manifestar” contra a violência doméstica. Ela afirmou: “Permanece o que parece ser uma parede de silêncio impenetrável à volta da violência e todos nós devemos participar e quebrar este silêncio.”

8. Salma Hayek

Salma Hayek disse: “Nenhum mulher tem de ser vítima de abuso físico. As mulheres têm de sentir que não estão sozinhas.” A atriz é uma ativista feroz no que toca a aumentar a consciência relativamente à violência doméstica sobre as mulheres e a discriminação, especialmente em comunidades imigrantes. Ela tem a sua prórpia organização, A Fundação Salma Hayek, que ajuda e sensibiliza vítimas de violência doméstica.

9. April Hernandez-Castillo

April Hernandez-Castillo é uma atriz. Ela expôs a sua história de um namorado que abusou dela física e emocionalmente. Contudo, como qualquer outra pessoa, a vergonha fez com que não falasse do assunto com ninguém, pelo que se manteve nesta relação abusiva por mais de 3 anos. April disse: “Quando os sobreviventes de violência doméstica pelo parceiro entram neste tipo de relações, geralmente vêem o seu parceiro como carinhoso e apaixonado e colocam-nos no centro do seu universo”.

10. Debbi Morgan

Debbi Morgan, vencedora de prémio Emmy, é uma mulher que viveu no seio de violência doméstica a maior parte da sua vida. A atriz partilhou a sua história no Oprah Show, onde recorda o seu pai a pontapear a porta princial e tentar sufocar a sua mãe. Ela afirmou: “A minha mãe tentava gritar, mas não conseguia. Foi terrível assistir a isso, sendo uma menina pequena”. Mas mesmo depois de uma infância de abusos, ela acabou por casar com um homem abusivo. Debbi escreveu um livro chamado “The Monkey on My Back”, onde relata a sua história.

11. Mariska Hargitay

O seu papel de Detetive Olivia Benson no programa de TV “Law & Order” tornou Mariska Hargitay numa ativista. Ela fundou a Joyful Heart Foundation, uma organização que ajuda sobreviventes de assédio sexual e violência doméstica, bem como os profissionais que os ajudam. Mariska Hargitay disse: “Inicialmente quando fiz pesquisa para o meu papel na série, não queria acreditar nas estatísticas sobre o abuso – e nas cartas que recebia dos espetadores a revelar as suas histórias”.

12. Rihanna

Ela não é apenas uma cantora talentosa e a fashionista. Em 2009, Rihanna gerou um dos maiores assuntos sobre violência doméstica quando o seu namorado de então, o rapper Chris Brown, tentou empurrá-la do seu carro. Ele bateu com a cabeça dela contra o vidro do passageiro e deu-lhe um murro, ferindo-a na noite anterior à dos Prémios Grammy. A assistente da Rihanna contactou a polícia, que prendeu Chris Brown e acusou-o de dois crimes graves.

13. Mariah Carey

Mariah Carey foi casada com o seu primeiro marido, Tommy Mottola, durante 5 anos até 1998. Contudo, foi apenas em 2009 que ela contou a Larry King: “ O abuso tem diversas categorias – emocionalmente, mentalmente, de outras formas. Para mim, livrar-me disso foi difícil porque havia uma ligação que não era apenas o casamento, mas um negócio onde a pessoa controlava a minha vida”.

14. Amber Heard

Amber Heard foi casada com Johnny Depp and mais tarde acusou o famoso ator de agrassái física contra ela durante o casamento, explicando que a o alcoolismo e o abuso de drogas foram os principais instigadores de tal comportamento.

15. Monique Coleman

Monique Coleman é uma filantropista devota e uma sincera defensora para a erradicação da violência contra as mulheres, um poderoso modelo a seguir para as jovens mulheres de hoje. Ela disse: “Se cada jovem seguir a sua maior paixão e depois disser: ‘o que pode ser aplicado para o bem social?’ Não é preciso escolher entre ser bem-sucedido e ser um filantropista.”

16. Shakira

Alegadamente Shakira sofreu abusos físicos por parte de um antigo namorado.

17. Helena Bonham Carter

Helena Bonham Carter é uma atriz muito famosa que disse: Milhares de mulheres e crianças estão assustadas por estarem em casa, o sítio onde se deveriam sentir seguros. Não consigo imaginar esse sentimento. A violência doméstica não parará a não ser que todos nós nos manifestemos contra isso. Não podemos permitir que continue à nossa volta e não fazer nada em relação a isso. Isto é um problema que mata pessoas.”

18. Lauren Laverne

Lauren Laverne é uma DJ de rádio, modelo, apresentadora de televisão, autora, cantora e comediante e ela disse: “É chocante pensar que um quarto de todas as mulheres que eu conheço poderia experienciar violência doméstica em algum momento das suas vidas – e que algumas delas poderiam estar a passar por isso agora. Tenho muito orgulho por ser uma embaixadora pela Refuge – é uma associação de caridade que salva e muda as vidas de mulheres e crianças.”

19. Evelyn Lozada

Evelyn Lozada sofreu abuso pelas mãos do seu ex-marido Chad Johnson. Depois de um episódio sobre o jogador da equipa de futebol americano Kansas City Chiefs – Tyreek Hill confessar ter agredido a sua namorada grávida, Evelyn Lozada disse à audiência: “O meu coração está do lado das vítimas e das pessoas que eu conheço, por favor não me tweetem a dizer: ‘Isto aconteceu há 4 anos atrás, ultrapassa isso. É algo que fica contigo para sempre, ok. Portanto, o meu objetivo, a minha principal preocupação é com a vítima,” acrescentando, “Honra-te e faz a coisa certa porque todos sabemos que, acontecendo uma vez, vai acontecer de novo.”

20. NeNe Leakes

A estrela de reality show falou no canal E! sobre o abuso que enfrentou nas mãos do pai do seu filho Bryson e disse: “A primeira pessoa a realmente dizer ‘Amo-te’ muito tornou-se no abusador. Ele bateu-me e mais tarde dizia ‘Amo-te’ e eu pensei que isto era o amor.”Depois de uma situação louca em que Leakes foi forçado a sair para fora da casa apontado por uma arma ela concluiu:”Não posso suportar mais isto pelo meu bem e do meu filho.”

21. Keke Wyatt

A cantor KeKe Wyatt falou ao ESSENCE sobre a sua experiência numa relação abusiva e quando foi forçada a esfaquear o seu ex-marido em legítima defesa: “ As pessoas não vão perceber enquanto não caminharem nos meus sapatos. Senti-me tão mal pelo que fiz, mas não deixei que isso me consumisse. Foi a minha fé em Deus e a minha família que me ajudaram a ultrapassar isto. Essas são as pessoas que realmente sabem o que aconteceu e não me julgam.”

Subscreva a newsletter da Josefinas
e não perca nenhuma novidade
Siga a Josefinas no Instagram
It’s been a year since launching the You Can Leave #sneaker collection. Since then we’ve helped over 200 women victims of #domesticviolence. 🙏 The fight is still on. 💪 Know how you can help at josefinas.com! #josefinasportugal #violenciadomestica #StopDomesticViolence Josefinas Macau ❤️ by @ninajoana_ #josefinasportugal #ProudToBeAWoman Details ❤️ by @meowmeowbycat #josefinasportugal #ProudToBeAWoman #catsneakers ❤️❤️❤️ (📷 @satu__tuovila) #josefinasportugal #ProudToBeAWoman Perfect scenery ❤️ 📷 @oscar_y_lau_trips #josefinasportugal #ProudatoBeAWoman Girls just wanna have fun! ❤️ @wolfandrita x Josefinas sneaker collaboration 👟 #josefinasportugal #ProudToBeAWoman #wolfandrita #sneakerskids
Comprar look
Leave
358USD